Viva Cidadão
Rota da Cidadania
Notícias - Notícias
Qua, 25 de Março de 2015 13:48

 

Além do ‘Mais IDH’, o Viva Cidadão desenvolve o projeto Rota da Cidadania, criado para atender outras localidades que não estão no circuito do mutirão, porém  que possuem grande demanda e dificuldades de acesso aos serviços básicos. 

 

Os caminhões que encerraram atendimento no último sábado (21) deslocaram-se para: Rosário, Buriticupu, Cururupu, Imperatriz, Maracaçumé, Codó, Colinas, Formosa da Serra Negra e Grajaú, realizando atendimentos como: emissão de RG, inscrição de CPF e serviços online no Balcão do Cidadão. Os caminhões estarão nos municípios no período de 24 de março a 2 de abril.

 
Resultados do Viva Cidadão no Mutirão MAIS IDH
Notícias - Notícias
Ter, 24 de Março de 2015 11:36

altalt

Foto: 1.cliente recebendo atendimento em unidade móvel. 2. diretorado Viva Cidadão em reunião com servidores das unidades móveis.

Viva Cidadão faz balanço das ações no mutirão e já contabilizou 14 mil atendimentos realizados na primeira etapa do MAIS IDH.

Na primeira fase o mutirão atendeu 09 dos 30 municípios com o pior índice de desenvolvimento humano do estado. O Plano terá três etapas e atua com o objetivo de reduzir a extrema pobreza e também na melhoria dos índices sociais e econômicos no estado do Maranhão.  Mari-Silva Maia diretora do Viva Cidadão faz resumo das ações:  “Nessa primeira fase do Mutirão MAIS IDH levamos documentação básica e acesso a outros serviços à população de 09  dos 30 municípios  que serão atendidos durante todo mutirão. Essa ação é fundamental  porque além  de tornar concretos os direitos básicos da população, realiza também um diagnóstico da rede de serviços públicos oferecidos nos municípios, identificando problemas  e ocorrências. Essas informações são essenciais para nortear políticas públicas  voltadas para esses municípios”, explica Mari-Silva.

Leia mais...
 
Mutirão “Mais IDH” percorre mais 12 municípios com ações sociais
Notícias - Notícias
Sex, 20 de Março de 2015 13:20

A primeira fase do Mutirão “Mais IDH” será concluída neste sábado (21), percorrendo nove municípios maranhenses com baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Serão 12 dias de ações entre atendimentos à saúde, emissões de documentos e levantamento das necessidades de cada município. Em reunião do Comitê Gestor do Plano de Ações Mais IDH realizada, nesta quinta-feira (19), no Palácio dos Leões, foi apresentado o monitoramento das ações feitas pelas Secretarias de Estado parceiras no programa.

Leia mais...
 
Viva Cidadão contabiliza mais de quatro mil atendimentos no Mutirão ‘Mais IDH’
Notícias - Notícias
Qua, 18 de Março de 2015 13:40

altalt

Mais de quatro mil atendimentos foram contabilizados pelas unidades móveis e alternativas do Viva Cidadão durante a primeira semana do Mutirão ‘Mais IDH’.  As unidades seguem instaladas em nove dos 30 municípios de menor Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) até o dia 21 de março, quando finaliza a primeira etapa do mutirão. A população tem avaliado positivamente os serviços que estão sendo oferecidos desde o dia 09 de março.

Leia mais...
 
O Mutirão MAIS IDH atinge mais de 12 mil atendimentos e beneficia áreas indígenas
Notícias - Notícias
Sex, 20 de Março de 2015 16:44

 

alt

Foto: servidores do Viva Cidadão e comunidade indígenas do Munícipio de Fernando Falcão

O governador Flávio Dino cumprindo a promessa que fez em campanha, trabalha e planeja desde o início de seu mandato, ações voltadas a redução da extrema pobreza no estado. E o plano de ações MAIS IDH veio para reverter estes índices negativos e levar o Maranhão a um melhor patamar diante o cenário nacional, pois o estado tem o segundo pior IDH do país.

Nesta primeira fase o mutirão abrange nove (9) municípios dentre os 30 de pior IDH do estado:Jenipapo dos Vieiras, Arame, Lagoa Grande, São Raimundo do Doca Bezerra, São Roberto, Santa Filomena, Itaipava do Grajaú, Marajá do Sena e Fernando Falcão.

As unidades móveis do Viva Cidadão foram instaladas desde o dia 09 de março e encerram os atendimentos em 21 deste mês, com exceção de Itaipava do Grajaú e Fernando Falcão que ficarão nos municípios  até o dia 02 de abril. Devido as fortes chuvas houve queda no link de internet e problema nas antenas de transmissão o que prejudicou o funcionamento de alguns serviços, dessa forma as unidades estenderão o prazo para conclusão das atividades.

Os serviços tem agradado a população e muitos já querem que haja outra etapa que contemple seu município, como conta Camila Pereira da Silva que foi tirar a sua primeira carteira de trabalho: “Achei tudo muito bom. Aqui no município de Santa Filomena não temos acesso a esses serviços, principalmente carteira de trabalho. Gostaria que o nosso governador enviasse o caminhão mais vezes para nossa cidade, porque foi tudo bom e fui muito bem atendida”, conta animada Camila Silva.

Até hoje (20) já foram contabilizados 12.653 (doze mil seiscentos e cinquenta e três) atendimentos nas nove unidades, que estão realizando serviços de emissão de RG, CPF, carteira e trabalho, alistamento militar e triagem para solicitação do registro de nascimento, a ação se encerra dia 21 de março na maioria dos municípios e segundo Mari-Silva Maia, diretora do Viva Cidadão o mutirão está cumprindo seu propósito: “Nós cumprimos nossa tarefa de fazer com que a população tenham acesso aos serviços básicos essenciais. A grandeza do mutirão mais IDH consiste também em fazer cumprir o plano nacional dos direitos Humanos que determina e orienta a nós que prestamos serviços públicos, a  fazer com que toda população e especialmente a população vulnerável tenha acesso aos documentos básicos como a certidão,  RG, carteira de trabalho e CPF... então o cidadão que não tem acesso pelo menos a esses documentos, claro que está em uma situação de sub cidadania e nesse sentido é que nós estamos bastante satisfeitos em participar do mutirão e fazer cumprir as determinações do governo. Hoje já chegamos a mais de doze mil atendimento em nove municípios, nos acreditamos que esse numero por si só já da a ideia da grandeza do trabalho que nós realizamos através dos nossos servidores e das nossas equipes”, responde Mari-Silva.

 

Povos Indígenas

alt

O Mutirão contempla também a região central do estado, local de transição do cerrado para Amazônia onde se encontra grande área indígena. Segundo dados do IBGE de 2010 o estado do Maranhão detém 4,3% da população é indígenas do país.

Nesta primeira fase o mutirão contemplou quatro cidades com população indígena: Arame, Jenipapo dos Vieiras, Fernando Falcão e Itaipava do Grajaú que juntas já contabilizam mais de 5 mil atendimentos realizados.  “Em Fernando Falcão já temos mais 200 solicitações de registro de nascimento. Pois a maioria dos índios que nasce não é registrada. E a procura pelo primeiro RG também é muito grande, já ultrapassamos os mil atendimentos só nesta unidade e continuamos atendendo”, explica Walery R.Teles de Mesquita, chefe de execução da unidade móvel 10 do Viva Cidadão.

Assim que encerrarem os atendimentos, a Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular –SEDIHPOP fará  uma avaliação das ações desta primeira fase de trabalho.        

 

MAIS IDH 2ª ETAPA

A segunda etapa do mutirão começa no próximo dia 6 de abril, beneficiando outros 10 dos 30 municípios com os piores indicadores sociais do estado. São eles: Centro Novo do Maranhão, São João do Caru, Governador Newton Belo, Pedro do Rosário, Amapá do Maranhão, Serrano do Maranhão, Cajari, Conceição do Lago-Açu, Satubinha e Brejo.

 
Mutirão ‘Mais IDH’ leva cidadania a Santa Filomena
Notícias - Notícias
Qui, 19 de Março de 2015 15:18

alt

Registrando o 27º pior Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) do Maranhão, Santa Filomena, distante 378 quilômetros de São Luís, é um dos nove municípios maranhenses que estão recebendo os serviços do Mutirão ‘Mais IDH’ neste primeiro ciclo de itinerância. 

A segunda etapa do mutirão começa no próximo dia 6 de abril, beneficiando outros 10 dos 30 municípios com os piores indicadores sociais do estado. São eles: Centro Novo do Maranhão, São João do Caru, Governador Newton Belo, Pedro do Rosário, Amapá do Maranhão, Serrano do Maranhão, Cajari, Conceição do Lago-Açu, Satubinha e Brejo.

Quem conseguiu gratuitamente um documento tão perto de casa, estava comemorando muito a oportunidade. Esse é o caso da dona de casa Rosali Nunes, de 42 anos, que vive com o marido e cinco filhos em Santa Filomena e foi ao mutirão para realizar seu Cadastro de Pessoa Física (CPF).

“Nunca pensei que fosse ter essa oportunidade aqui tão perto de casa. Estou muito feliz de conseguir tirar o documento sem precisar ir para outra cidade e também sem pagar”, explicou Rosali.

Além das ações de saúde, que foram realizadas durante dois dias a ação do mutirão também contemplou emissão de carteiras de identidade, carteiras de trabalho e alistamento militar.

“Muito boa essa oportunidade. Sou de um povoado aqui perto, vim a pé pra cá. Se o caminhão não estivesse aqui teria que ir pra Presidente Dutra fazer meu alistamento. Aí teria que pagar um transporte, mas aqui foi tudo de graça”, pontuou o estudante Eduardo Sousa Silva, de 19 anos.

 

Fonte:Secom

 
Mutirão ‘Mais IDH’ garante serviços em Marajá do Sena
Notícias - Notícias
Seg, 16 de Março de 2015 12:49

 

Uma das grandes conquistas do mutirão “Mais IDH” é chegar a municípios de difícil acesso, levando serviços de saúde e cidadania a maranhenses que não costumavam ser beneficiados. Um desses casos é Marajá do Sena, segundo município com pior IDHM do Maranhão (0,452). Localizado há 370 quilômetros da capital São Luís, a cidade fica entre colinas e o único acesso é por uma estrada de terra com 23 quilômetros de extensão.

 

Leia mais...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 1 de 41

Visitantes

Nós temos 23 visitantes online

O Debutante da Cidadania

Vagas Sine

Confira as vagas de emprego disponíveis no SINE clicando Aqui.

Clima Tempo